Thiago Peixoto debate tecnologia com Intel e Google

Devido à sua atuação parlamentar a favor da inovação e do avanço das novas tecnologias, o deputado federal Thiago Peixoto (PSD-GO) participou esta semana de eventos de empresas mundiais gigantes do setor de Economia Digital; em São Paulo, o presidente da Frente Parlamentar de Economia Digital e Colaborativa esteve com startups brasileiras no Google Campus e, em Brasília, participou de um evento da Intel sobre a tecnologia 5G, que promete revolucionar a chamada Internet das Coisas

Devido à sua atuação parlamentar a favor da inovação e do avanço das novas tecnologias, o deputado federal Thiago Peixoto (PSD-GO) participou esta semana de eventos de empresas mundiais gigantes do setor de Economia Digital; em São Paulo, o presidente da Frente Parlamentar de Economia Digital e Colaborativa esteve com startups brasileiras no Google Campus e, em Brasília, participou de um evento da Intel sobre a tecnologia 5G, que promete revolucionar a chamada Internet das Coisas
Devido à sua atuação parlamentar a favor da inovação e do avanço das novas tecnologias, o deputado federal Thiago Peixoto (PSD-GO) participou esta semana de eventos de empresas mundiais gigantes do setor de Economia Digital; em São Paulo, o presidente da Frente Parlamentar de Economia Digital e Colaborativa esteve com startups brasileiras no Google Campus e, em Brasília, participou de um evento da Intel sobre a tecnologia 5G, que promete revolucionar a chamada Internet das Coisas (Foto: José Barbacena)

Goiás 247 - Devido à sua atuação parlamentar a favor da inovação e do avanço das novas tecnologias, o deputado federal Thiago Peixoto (PSD-GO) participou esta semana de eventos de empresas mundiais gigantes do setor de Economia Digital. Em São Paulo, o presidente da Frente Parlamentar de Economia Digital e Colaborativa esteve com startups brasileiras no Google Campus e, em Brasília, participou de um evento da Intel sobre a tecnologia 5G, que promete revolucionar a chamada Internet das Coisas (IoT, na sigla em inglês).

“O pessoal da Intel tem dito que o 5G estará para a internet das coisas assim como o 4G esteve para os smartphones. Será um passo a mais no sentido da conecnetividade com aparelhos presentes no nosso cotidiano. As opções são impressionantes”, disse o parlamentar nesta terça (20/6). Ele salientou que é importante um esforço legislativo no sentido de aprimorar a legislação para recepcionar o que vem por aí.

Criada no fim do ano passado e lançada em maio deste ano, a Frente Parlamentar de Economia Digital e Colaborativa tem como desafio justamente o de alinhar as discussões e propostas em tramitação que tratam de assuntos relacionado com tecnologia na Câmara dos Deputados. “Temos muito a fazer, seja nesta área de Internet das Coisas ou de outras. Há muito em tramitação e mais coisa que precisa ser debatida e aprimorada. Precisamos regulamentar, é claro, mas nunca no sentido de proibir”, explicou o parlamentar.

Startups

Na segunda (19/6), Thiago esteve em São Paulo, onde participou de atividade nas comemorações de um ano de funcionamento do Google Campus. Ele teve uma conversa com representantes de startups. Uma das preocupações colocadas em discussão foi a necessidade de se criar uma legislação mais proativa e de apoio à inovação e às startups. “O Brasil está ficando para trás por conta dos entraves legais. Estamos perdendo nessas startups para o Paraguai, por exemplo, que tem uma legislação muito mais avançada”, disse o parlamentar.

O deputado goiano salientou que é fundamental, na Frente Parlamentar de Economia Digital, avançar no debate de saídas legais para aumentar a participação brasileira. “Sou defensor da regulamentação, nunca da proibição. Temos sim que regulamentar, mas no sentido de incentivar a inovação e as startups”, explicou Thiago Peixoto. Além do trabalho na Frente Parlamentar, ele se comprometeu a abrir canais de diálogo entre as startups e os ministérios da Fazenda e de Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247