TJ de Minas nega pedido de liberdade de Eduardo Azeredo

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) rejeitou um pedido cautelar do ex-governador Eduardo Azeredo (PSDB) para o relaxamento da prisão; Azeredo foi condenado a 20 anos e um mês de prisão por peculato (desvio de dinheiro público) e lavagem de dinheiro; ele está preso em sala especial do Corpo de Bombeiros desde maio

TJ de Minas nega pedido de liberdade de Eduardo Azeredo
TJ de Minas nega pedido de liberdade de Eduardo Azeredo (Foto: José Cruz/Agência Brasil)

Minas 247 – A desembargadora Mariangela Meyer Pires Faleiro, do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), rejeitou nesta quinta-feira (19) um pedido cautelar do ex-governador Eduardo Azeredo (PSDB) para o relaxamento da prisão.

Ela entendeu que não seria cabível o efeito suspensivo pedido pela defesa do ex-governador para que o tucano aguardasse o julgamento das ações em instâncias superiores em liberdade.  Azeredo foi condenado a 20 anos e um mês de prisão por peculato (desvio de dinheiro público) e lavagem de dinheiro.

A defesa do ex-governador informou que pretende recorrer da decisão, segundo reportagem publicada no Estado de Minas (leia aqui

 

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247