Transalvador vai comprar mais bafômetros

Não houve fiscalização da Lei Seca neste final de semana por conta de os etilômetros, ou bafômetros, estarem em manutenção em São Paulo e outros que apresentaram defeito; "Lamentamos o fato, mas a intensificação do uso dos bafômetros em blitzes diárias pode causar esse tipo de problema", explica Fabrizzio Muller, o chefe da Transalvador; mais cinco aparelhos serão comprados nos próximos dias

Transalvador vai comprar mais bafômetros
Transalvador vai comprar mais bafômetros
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Bahia 247

A Superintendência de Trânsito e Transporte do Salvador (Transalvador), informa que não houve fiscalização da Lei Seca neste final de semana por conta de os etilômetros, ou bafômetros, estarem em manutenção em São Paulo e outros que apresentaram defeito.

"Lamentamos o fato, mas a intensificação do uso dos bafômetros em blitzes diárias pode causar esse tipo de problema. Por isso já estamos comprando novos equipamentos para aumentar a nossa reserva técnica e evitar novas ocorrências desse tipo", explica Fabrizzio Muller, o chefe da Transalvador.

Ele afirma que os aparelhos em manutenção já estarão de volta nesta semana e o órgão comprará mais cinco. Segundo o superintendente, de 1º a 18 de abril, mais de 1.200 condutores foram abordados em blitzes de alcoolemia. Desse total, 123 motoristas tiveram suas carteiras de habilitação recolhidas, devido à recusa em fazer o teste ou por embriaguez.

Fabrizzio observa que a não realização do teste de alcoolemia não prejudica as investigações policiais sobre os acidentes automobilísticos. "A polícia técnica pode requerer dos motoristas envolvidos a realização de exames clínicos que indicam o uso ou não de álcool".

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247