Valente: governo mostrou-se incapaz de negociar com os caminhoneiros

"Não durou nem 4 horas a tabela mínima de frete do Temer. Um governo moribundo, que cede à pressão dos ruralistas e é incapaz de entregar aquilo que negociou com os caminhoneiros. É o preço do golpe que o povo é quem paga", escreveu no Twitter o deputado Ivan Valente (Psol)

"Não durou nem 4 horas a tabela mínima de frete do Temer. Um governo moribundo, que cede à pressão dos ruralistas e é incapaz de entregar aquilo que negociou com os caminhoneiros. É o preço do golpe que o povo é quem paga", escreveu no Twitter o deputado Ivan Valente (Psol)
"Não durou nem 4 horas a tabela mínima de frete do Temer. Um governo moribundo, que cede à pressão dos ruralistas e é incapaz de entregar aquilo que negociou com os caminhoneiros. É o preço do golpe que o povo é quem paga", escreveu no Twitter o deputado Ivan Valente (Psol) (Foto: Leonardo Lucena)

SP 247 - O deputado federal Ivan Valente (Psol) cutucou o governo Michel Temer, que cedeu aos caminhoneiros e revogou a nova tabela do frete imposta pelo agronegócio.

"Não durou nem 4 horas a tabela mínima de frete do Temer. Um governo moribundo, que cede à pressão dos ruralistas e é incapaz de entregar aquilo que negociou com os caminhoneiros. É o preço do golpe que o povo é quem paga", escreveu o parlamentar no Twitter.

O ministro dos Transportes, Valter Casimiro, informou marcou novo encontro nesta sexta-feira (8) para discutir a formulação de uma nova tabela. "Essa nova resolução trouxe algumas questões que precisam ser revistas e foi uma resolução do Ministério dos Transportes que a gente torne essa nova resolução sem efeito", disse o ministro, em vídeo divulgado pelas entidades dos caminhoneiros.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247