Valério diz que Andrade pagou sua defesa no mensalão

O empresário Marcos Valério, operador do chamado "mensalão" por meio de contatos com agências de publicidade, revelou que, em 2005, sua defesa foi paga pela empreiteira Andrade Gutierrez

O empresário Marcos Valério, operador do chamado "mensalão" por meio de contatos com agências de publicidade, revelou que, em 2005, sua defesa foi paga pela empreiteira Andrade Gutierrez
O empresário Marcos Valério, operador do chamado "mensalão" por meio de contatos com agências de publicidade, revelou que, em 2005, sua defesa foi paga pela empreiteira Andrade Gutierrez (Foto: Leonardo Attuch)

247 – O empresário Marcos Valério, operador do chamado "mensalão" por meio de contatos com agências de publicidade, revelou que, em 2005, sua defesa foi paga pela empreiteira Andrade Gutierrez.

É o que aponta reportagem de Thiago Herdy.

"No acordo assinado com a PF, Valério diz que o então ministro da Justiça do governo Lula, Márcio Thomaz Bastos, já falecido, discutia a estratégia de defesa com seu advogado, Marcelo Leonardo. E diz ter sido informado por Okamotto que a Andrade Gutierrez daria os R$ 5 milhões para manter a estratégia conjunta de defesa frente às acusações", diz o texto.

"Segundo ele, o pagamento teria sido acertado com Roberto Gutierrez, então vice-presidente do Conselho de Administração da Andrade, que morreu em 2006. Valério diz que a empresa teria feito o repasse a uma conta no exterior, e os valores teriam regressado ao Brasil por meio de doleiros."

 

 

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247