Venâncio: "chegou a ter dois governadores, mas não funciona nada"

O líder da oposição disse que poderia aceitar o descaso com o funcionalismo proveniente de qualquer administração, menos daqueles que chegaram ao Poder com o discurso de mudança; "já vi governos bons e ruins, mas, pela primeira vez, estou presenciando um desgoverno", afirmou

O líder da oposição disse que poderia aceitar o descaso com o funcionalismo proveniente de qualquer administração, menos daqueles que chegaram ao Poder com o discurso de mudança; "já vi governos bons e ruins, mas, pela primeira vez, estou presenciando um desgoverno", afirmou
O líder da oposição disse que poderia aceitar o descaso com o funcionalismo proveniente de qualquer administração, menos daqueles que chegaram ao Poder com o discurso de mudança; "já vi governos bons e ruins, mas, pela primeira vez, estou presenciando um desgoverno", afirmou (Foto: Valter Lima)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O líder da bancada de oposição na Assembleia Legislativa, deputado estadual Venâncio Fonseca (PP), voltou a cobrar do governo do Estado o anúncio do reajuste salarial dos servidores públicos. O parlamentar disse que poderia aceitar o descaso com o funcionalismo proveniente de qualquer administração, menos daqueles que chegaram ao Poder com o discurso de mudança. "Já vi governos bons e ruins, mas, pela primeira vez, estou presenciando um desgoverno".

“O discurso feito pela deputada Ana Lúcia foi um testemunho do fracasso desse governo. A lei existe, mas o governo não tem força para cumpri-la. Está clara a fraqueza e a fragilidade do governo. Ana Lúcia questionou os pedidos dos deputados, mas os parlamentares têm que pedir mesmo. Agora quem autoriza é o governador, se estiver dentro da lei. Quem questionava os governos dos outros, é uma decepção por fazer pior”, disse.

Em seguida, Venâncio Fonseca provocou a deputada Ana Lúcia: “Ela (Ana Lúcia) queria a gestão democrática! Pode até querer, mas em outro governo! Não insista com esse governo, é perda de tempo! A turma gostou de indicar um diretor de escola! No Governo da Mudança falta tudo, até Governo! Chegou ao ponto de ter dois secretários da Casa Civil, dois secretários de Governo, dois secretários de Saúde e até dois governadores, e não funciona nada!”.

O líder da oposição disse que os servidores estão cobrando o pagamento do salário mínimo e, ao menos, a correção da inflação. “Isso era o mínimo que o governo podia fazer. Nunca imaginei isso na minha vida. É uma decepção muito grande. Se para mim já é, para as deputadas Ana Lúcia e Conceição Vieira (PT) é muito mais. Deixa a bancada em uma situação difícil aqui na Casa. Vai defender como? Que situação difícil do líder, deputado Gustinho Ribeiro (PSD). Tão jovem e com um peso tão grande nas mãos!”, ironizou.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email