Vereador critica "desculpas fajutas" de Moro

Para Ronivaldo Maia (PT), o pedido de desculpas do juiz Sérgio Moro pelo vazamento de áudios do ex-presidente Lula não o exime do descumprimento da Constituição. "São a confirmação de que a passionalidade subiu à cabeça", disse

Para Ronivaldo Maia (PT), o pedido de desculpas do juiz Sérgio Moro pelo vazamento de áudios do ex-presidente Lula não o exime do descumprimento da Constituição. "São a confirmação de que a passionalidade subiu à cabeça", disse
Para Ronivaldo Maia (PT), o pedido de desculpas do juiz Sérgio Moro pelo vazamento de áudios do ex-presidente Lula não o exime do descumprimento da Constituição. "São a confirmação de que a passionalidade subiu à cabeça", disse (Foto: Rodrigo Rocha)

Ceará247 - O vereador Ronivaldo Maia (PT) repercutiu a notícia veiculada nos jornais do país, sobre o pedido de desculpas do juiz Moro ao Supremo Tribunal Federal (STF), pelo vazamento de áudios do ex-presidente Lula, em pronunciamento nesta quarta-feira (30) na Câmara Municipal de Fortaleza.

Para o parlamentar, o pedido de desculpas do juiz não o exime do descumprimento da Constituição.“São a confirmação de que a passionalidade subiu à cabeça. E de forma ilegal e irresponsável, um juiz que era para seguir a lei, desrespeitou a Constituição. Ora me parece ser desculpas fajutas, de faz de conta, pois o vazamento teve sim uma motivação política”, frisou.

 

O Brasil 247 quer a sua ajuda para tomar decisões importantes. Participe da pesquisa

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247