Wagner: ‘Indignação da população vai aumentar’

Para o ex-ministro Jaques Wagner, a denúncia do Ministério Público contra o ex-presidente Lula vai fazer com que a indignação popular aumente ainda mais, assim como o número de pessoas que lutam pela democracia; "Lá fora, a imagem que passa é que o Brasil se tornou um país onde a democracia se tornou um farrapo"

O ministro da Defesa, Jaques Wagner, fala na Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional do Senado sobre a situação atual e perspectivas futuras do ministério (Marcelo Camargo/Agência Brasil)
O ministro da Defesa, Jaques Wagner, fala na Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional do Senado sobre a situação atual e perspectivas futuras do ministério (Marcelo Camargo/Agência Brasil) (Foto: Gisele Federicce)

Bahia 247 – O ex-ministro Jaques Wagner acredita que a denúncia apresentada nesta quarta-feira 14 pelo Ministério Público contra o ex-presidente Lula vai fazer com que a indignação popular aumente ainda mais, assim como o número de pessoas que lutam pela democracia.

"Lá fora, a imagem que passa é que o Brasil se tornou um país onde a democracia se tornou um farrapo", declarou o ex-governador da Bahia.

Segundo o Ministério Público, Lula é o "comandante chefe" e o "grande general" do esquema de corrupção na Petrobras descoberto na Lava Jato.

Para Wagner, a ação do MP foi ainda, acima de tudo, desrespeitosa com Lula. "Eu conheci o Lula na mesma casa que ele continua morando, no mesmo apartamento de São Bernardo. Já o Cunha, olha onde ele mora. É muito diferente, Lula não pode ser 'chefe' disso tudo", ressalta.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247