WhatsApp tenta liberação do Banco Central para ser "iniciador de pagamentos"

A empresa quer disponibilizar aos usuários a funcionalidade de envio e recebimento de dinheiro pelo aplicativo

(Foto: Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O aplicativo de mensagens WhatsApp afirmou que conversa com o Banco Central e tenta aprovação para ser um "iniciador de pagamentos" e, assim, habilitar um sistema de transações financeiras pelo app.

"O WhatsApp está conversando regularmente com o Banco Central para ter a aprovação como iniciador de pagamentos para transferências entre pessoas. Também tem trabalhado para restaurar os pagamentos no WhatsApp para todos no Brasil o mais rápido possível", relatou a empresa ao G1 nesta segunda-feira (15).

Já em junho de 2020, o WhatsApp anunciou que passaria a disponibilizar aos usuários o serviço de envio e recebimento de dinheiro pelo aplicativo. O Banco Central e o Cade, no entanto, barraram a funcionalidade. As instituições afirmaram que era preciso, primeiro, avaliar riscos concorrenciais e garantir funcionamento adequado do Sistema de Pagamentos Brasileiro (SPB).

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email