Após investigação, PF diz que navio grego foi responsável por derramamento de óleo no litoral brasileiro em 2019

A empresa grega, cujo nome não foi revelado, terá seus proprietários, o comandante da embarcação e o chefe de máquinas indiciados

www.brasil247.com - Vazamento de óleo no litoral do Nordeste
Vazamento de óleo no litoral do Nordeste (Foto: Felipe Brasil / Fotos Públicas)
Siga o Brasil 247 no Google News

Sputnik Brasil - A Polícia Federal (PF) concluiu as investigações sobre a origem das manchas de óleo que atingiram o litoral brasileiro entre agosto de 2019 e março de 2020.

De acordo com o órgão, um navio petroleiro grego foi o responsável pelo derramamento da substância no mar. 

A empresa grega, cujo nome não foi revelado, terá seus proprietários, o comandante da embarcação e o chefe de máquinas indiciados pela prática dos crimes de poluição, descumprimento de obrigação ambiental e dano às unidades de conservação.

PUBLICIDADE

A PF apurou que apenas com os custos arcados pelo poder público para a limpeza de praias e oceano foram mais de R$ 188 milhões. O valor total do dano ambiental está sendo apurado pela perícia da PF, que deverá entregar o laudo às autoridades responsáveis.

Com a conclusão das investigações, o inquérito é encaminhado para a Justiça Federal do Rio Grande do Norte e para o Ministério Público Federal para análise e adoção das medidas cabíveis.

As manchas de óleo no nordeste

As primeiras aparições aconteceram no dia 30 de agosto de 2019 em praias da Paraíba. Na primeira semana de setembro, outros cinco estados do nordeste - Rio Grande do Norte, Alagoas, Sergipe, Ceará e Pernambuco - já registravam casos no seu litoral.

PUBLICIDADE

Com o tempo, as manchas atingiram mais de mil localidades nos nove estados do nordeste, chegando ao Espírito Santo e Rio de Janeiro.

Em algumas regiões, além da atuação do Poder Público na limpeza, vários trabalhadores locais fizeram o recolhimento do óleo das praias, já que dependiam do local como ponto turístico para sobrevivência.

Animais, como peixes e tartarugas, também chegaram a ser encontrados nas areias da praia encobertos pelas manchas escuras de óleo.

PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email