ABI condena ataques do bolsonarismo à jornalista Vera Magalhães

"ABI reafirma sua posição intransigente em defesa da democracia e da liberdade de expressão e a integral solidariedade a Vera Magalhães", diz a ABI em nota assinada pelo presidente da entidade, Paulo Jeronimo de Sousa

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A Associação Brasileira de Imprensa (ABI) condenou nesta quinta-feira 27, os ataques sofridos pela jornalista Vera Magalhães, do Estado de S. Paulo, após ter revelado o vídeo compartilhado por Jair Bolsonaro de manifestação pelo fechamento do Congresso Nacional. 

"ABI reafirma sua posição intransigente em defesa da democracia e da liberdade de expressão e a integral solidariedade a Vera Magalhães", diz a ABI em nota assinada pelo presidente da entidade, Paulo Jeronimo de Sousa.

Leia, abaixo, a nota na íntegra:

Nota da Associação Brasileira de Imprensa

Mais uma vez uma jornalista que divulgou matérias do desagrado do presidente Jair Bolsonaro e de seu entorno foi vítima de ataques e da exposição de dados privados nas redes sociais - o que configura crime. Desta vez a vítima foi Vera Magalhães, da TV Cultura e do "Estado de S. Paulo"

Além de configurar uma postura antiética, a criação de um perfil falso na internet pode levar o responsável a responder na Justiça.

É inevitável, também, registrar que os ataques do presidente e de pessoas próximas a ele ocorrem preferencialmente contra mulheres, demonstrando machismo e misoginia.

Registramos, ainda, que mesmo não tendo sido o autor imediato da agressão, as atitudes de Bolsonaro estimulam agressões contra a imprensa, o que faz dele também responsável por elas.

Por fim, a ABI reafirma sua posição intransigente em defesa da democracia e da liberdade de expressão e a integral solidariedade a Vera Magalhães.

Paulo Jeronimo de Sousa - Presidente da ABI

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247