Janot diz que Aécio o convidou para ser candidato a vice

Rodrigo Janot resolveu se tornar um jorro de declarações bombásticas ainda não se sabe muito bem por quê. Ele diz que Michel Temer lhe pediu para não investigar Eduardo Cunha, e que Aécio Neves o convidou para ser vice dele na chapa de 2018

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Rodrigo Janot resolveu se tornar um jorro de declarações bombásticas ainda não se sabe muito bem por quê. Ele diz que Michel Temer lhe pediu para não investigar Eduardo Cunha, e que Aécio Neves o convidou para ser vice dele na chapa de 2018.

A reportagem do site DCM destaca o relato de Janot: "certo dia, em 2017, meu conterrâneo, o senador Aécio, sentiu que o clima estava aquecendo com as investigações sobre a Odebrecht e me convidou para ser ministro da Justiça quando ele fosse eleito presidente da República no ano seguinte. Eu, é claro, declinei. Dias depois, ele voltou e me fez outra proposta: ‘Quero pedir desculpa. O convite não estava à sua altura. Eu acho que você podia ser o meu vice-­presidente. Você escolhe qualquer partido da base, filia-se e vai ser o meu vice-presidente. Isso vai ser um fato mundial"

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email