Atila diz que vacina contra Covid é como anunciar limpeza do Tietê e provoca reações

Alguns internautas criticaram a análise do biólogo, dizendo que ele é contra a cura e afirmando que está “jogando um balde de água fria” num momento em que os testes das vacinas contra o coronavírus estão avançando

(Foto: Reprodução (Youtube))
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Com a discussão em torno dos testes das vacinas contra o coronavírus, que chegaram ao Brasil, o cientista Atila Iamarino comparou as promessas das autoridades sanitárias com as promessas dos governantes de São Paulo de que irão limpar o Rio Tietê. 

Por conta do comentário, seu nome foi parar entre os temas mais comentados no Twitter.

“Vacina em testes é como anunciarem que vão limpar o Rio Tietê em São Paulo. A intenção é ótima e pra quem é de fora, parece super promissor. Mas pra quem conhece o histórico, vale esperar pra ver”, afirmou no Twitter.

Alguns internautas criticaram a análise do biólogo, dizendo que ele é contra a cura e afirmando que está “jogando um balde de água fria” num momento em que testes das vacinas estão avançando. O cientista foi alvo de ataques bolsonaristas nas redes recentemente por ter previsto a morte de 1 milhão de pessoas, o que não ocorreu.

Os testes clínicos no Brasil com a potencial vacina chinesa contra a Covid-19 começarão na terça-feira, 21, no Hospital das Clínicas da Universidade de São Paulo (USP) e deverão estar concluídos em 90 dias, disse nesta segunda-feira o governador de São Paulo, João Doria (PSDB).

“A estimativa é de concluir todo o estudo da Fase 3 de testes da CoronaVac, a vacina contra o coronavírus, em até 90 dias”, disse Doria em entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes.

O estudo da potencial vacina chinesa será liderado pelo Instituto Butantan em 12 centros de pesquisa de cinco Estados e do Distrito Federal, junto a 9 mil voluntários, que são profissionais da área de saúde. O início dos testes na terça se dará com a aplicação em 890 voluntários no HC da USP.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247