Autor da foto de Boff diz que queria carregá-lo pelos braços até os braços de Lula

Eduardo Matysiak, autor da foto que mostra Leonardo Boff sentado na porta da Polícia Federal ao tentar visitar Lula e que está rodando o mundo, se diz contente com a repercussão da imagem, mas que ao mesmo tempo a cena o trouxe uma sensação de "tristeza e impotência". "É horrível o que fizeram"

Eduardo Matysiak, autor da foto que mostra Leonardo Boff sentado na porta da Polícia Federal ao tentar visitar Lula e que está rodando o mundo, se diz contente com a repercussão da imagem, mas que ao mesmo tempo a cena o trouxe uma sensação de "tristeza e impotência". "É horrível o que fizeram"
Eduardo Matysiak, autor da foto que mostra Leonardo Boff sentado na porta da Polícia Federal ao tentar visitar Lula e que está rodando o mundo, se diz contente com a repercussão da imagem, mas que ao mesmo tempo a cena o trouxe uma sensação de "tristeza e impotência". "É horrível o que fizeram" (Foto: Aquiles Lins)

Por Ivan Longo, Revista Fórum - A imagem da semana, sem dúvidas, é a foto que mostra o teólogo Leonardo Boff sentado na porta da superintendência da Polícia Federal em Curitiba (PR) na expectativa de poder visitar seu amigo, o ex-presidente Lula, que está preso no local. Boff, assim como o prêmio Nobel da Paz, Adolfo Pérez Esquivel, tiveram suas visitas a Lula barradas pela Justiça e a imagem do teólogo de 79, solitário e cabisbaixo diante da recusa em poder fazer uma visita de caráter humanitário, rapidamente tomou conta das redes sociais e ilustrou matérias de veículos nacionais e internacionais.

O autor da imagem emblemática é o fotojornalista de 24 anos Eduardo Matysiak, que vive em Curitiba e acompanha a vigília em apoio a Lula desde o primeiro dia. À Fórum, Matysiak contou que não planejou a foto. Ele estava na frente do prédio da Polícia Federal aguardando uma coletiva de Esquivel quando uma amiga lhe perguntou se ele tinha feito fotos de Leonardo Boff. O fotógrafo, então, decidiu fazer o registro do teólogo, que andava pelo local. "Quando ele sentou, levantou a bengala, eu fiz", conta.

Leia a reportagem na íntegra.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247