Blogueiro Eduardo Guimarães é levado para depor pela PF

Segundo informações da página Jornalistas Livres, Eduardo Guimarães, do Blog da Cidadania, foi alvo de um mandado de condução coercitiva nesta manhã, levado para a Superintendência da PF em São Paulo; advogados se dirigem ao local; caso pode estar relacionado a uma apuração de possíveis vazamentos sobre outra condução coercitiva, a do ex-presidente Lula, em março do ano passado

Segundo informações da página Jornalistas Livres, Eduardo Guimarães, do Blog da Cidadania, foi alvo de um mandado de condução coercitiva nesta manhã, levado para a Superintendência da PF em São Paulo; advogados se dirigem ao local; caso pode estar relacionado a uma apuração de possíveis vazamentos sobre outra condução coercitiva, a do ex-presidente Lula, em março do ano passado
Segundo informações da página Jornalistas Livres, Eduardo Guimarães, do Blog da Cidadania, foi alvo de um mandado de condução coercitiva nesta manhã, levado para a Superintendência da PF em São Paulo; advogados se dirigem ao local; caso pode estar relacionado a uma apuração de possíveis vazamentos sobre outra condução coercitiva, a do ex-presidente Lula, em março do ano passado (Foto: Gisele Federicce)

Do Jornalistas Livres

O blogueiro Eduardo Guimarães, do Blog da Cidadania, foi levado em condução coercitiva para a Superintendência da PF em São Paulo.

As informações ainda não estão claras.

Os advogados já se dirigem ao local, mas parece ser parte da investigação para apurar possíveis vazamentos sobre outra condução coercitiva, a de Lula, em março do ano passado.

Vamos aguardar, mas podemos estar diante de um severo e aberto ataque da Operação Lava Jato à liberdade de imprensa e expressão.

Atualizado às 10h15:

TIREM AS MÃOS DA IMPRENSA INDEPENDENTE!

#CensuraNão

O caso é gravíssimo. O blogueiro Eduardo Guimarães, do Blog da Cidadania, foi retirado da casa dele, que fica no Paraíso, na zona Sul de São Paulo, às 6h.

A PF chegou ao apartamento às cinco da madrugada. Não permitiu que o porteiro interfonasse e esmurrou a porta da casa.

O agentes reviraram todo o apartamento e aprenderam os celulares da família e o computador pessoal do Eduardo. Ele foi conduzido no carro da PF para a superintendência da Lapa.

Não o deixaram ligar para advogado, o que caracteriza obstrução do direito de defesa.

Seus advogados ainda não conseguiram contato com ele.

Eduardo Guimarães teria sido preso por ter denunciado que a PF estava avisando/vazando para jornalistas da mídia golpista a iminente condução coercitiva do Lula.

Aguardamos mais informações dos advogados de Eduardo Guimarães e estamos tentando contato com a Polícia Federal.

Em breve, atualizações.

 

Texto de Miguel do Rosário, do Cafezinho

É pior do que se pensava: Edu está sendo mantido incomunicável

As últimas informações que chegam sobre o blogueiro Eduardo Guimarães mostram uma situação ainda mais grave do que se pensava.

Os relatos são de advogados e pessoas próximas ao blogueiro.

A PF chegou às cinco da manhã em seu prédio, não permitiram que o porteiro interfonasse, esmurraram sua porta, entraram no apartamento e reviraram tudo.

Apreenderam seu celular e aparelhos eletrônicos.

E foi levado, mediante condução coercitiva, por homens fortemente armados.

Não foi permitido que ele fizesse contato com seus advogados, o que é obstrução de justiça.

No momento, Eduardo está sendo mantido incomunicável nas dependências da Polícia Federal, na Lapa, São Paulo.

Eduardo Guimarães tem uma filha pequena com gravíssimos problemas de saúde, que precisa de atenção constante da família.

A razão de toda essa violência?

Querem saber quem vazou informações para Eduardo Guimarães, sobre a condução coercitiva de Lula.

A imprensa vaza informações, delações, dados, todos os dias, há dois anos, desde o início da Operação Lava Jato, mas quando aparece o primeiro vazamento que mostra o jogo armado entre Polícia Federal, MP e mídia, os meganhas correm para censurar, intimidar e, agora, violentar a liberdade de um cidadão brasileiro, jornalista e blogueiro.

Na verdade, Eduardo Guimarães foi preso (condução coercitiva é sequestro judicial e prisão) por crime de opinião.

Os próprios advogados de Eduardo Guimarães estão assustados. Dizem que Eduardo Guimarães pode estar sendo vítima, neste momento, de tortura psicológica.

Coisa de ditadura mesmo.

E a mídia, quietinha e cúmplice desse autoritarismo, como sempre.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247