Boulos: assim como Lacerda, Folha apoiou golpe e foi censurada

filósofo e coordenador do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), Guilherme Boulos, comparou a situação do jornal Folha de S. Paulo com a do jornalista e político Carlos Lacerda em situações de ruptura da ordem democrática no Brasil; "Lacerda apoiou o golpe de 64 e teve seus jornais censurados pela ditadura. A Folha apoiou o golpe de 2016 e agora foi censurada por Temer", disse Boulos

filósofo e coordenador do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), Guilherme Boulos, comparou a situação do jornal Folha de S. Paulo com a do jornalista e político Carlos Lacerda em situações de ruptura da ordem democrática no Brasil; "Lacerda apoiou o golpe de 64 e teve seus jornais censurados pela ditadura. A Folha apoiou o golpe de 2016 e agora foi censurada por Temer", disse Boulos
filósofo e coordenador do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), Guilherme Boulos, comparou a situação do jornal Folha de S. Paulo com a do jornalista e político Carlos Lacerda em situações de ruptura da ordem democrática no Brasil; "Lacerda apoiou o golpe de 64 e teve seus jornais censurados pela ditadura. A Folha apoiou o golpe de 2016 e agora foi censurada por Temer", disse Boulos (Foto: Aquiles Lins)

247 - O filósofo e coordenador do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), Guilherme Boulos, comparou a situação do jornal Folha de S. Paulo com a do jornalista e político Carlos Lacerda em situações de ruptura da ordem democrática no Brasil. 

"Lacerda apoiou o golpe de 64 e teve seus jornais censurados pela ditadura. A Folha apoiou o golpe de 2016 e agora foi censurada por Temer", disse Boulos. 

A pedido de Michel Temer, a Justiça de Brasília censurou reportagem do jornal de Otávio Frias Filho sobre conversas de Marcela Temer com o irmão, clonadas por um hacker, que podem comprometer Michel. 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247