Brasil é o país com mais jornalistas mortos pela Covid-19

Ao todo, 169 profissionais morreram entre abril de 2020 e março de 2021. Somente este ano, até março, foram 86 falecimentos

(Foto: Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Otávio Augusto, Metrópoles - O Brasil é o país em que mais jornalistas morreram com Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. Os dados, referentes ao primeiro trimestre de 2021, são da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj). Somente em março passado foram 47 óbitos.

O dossiê divulgado nesta terça-feira (6/4) revela que 86 jornalistas faleceram entre janeiro e março deste ano. O índice é 8,6% maior que no mesmo período de 2020.

Ao todo, 169 profissionais perderam a vida entre abril de 2020 e março de 2021 para a doença. O dossiê também mostra que, em três meses, o número de mortes neste ano supera todo o ano de 2020, quando foram registradas 78 mortes de abril a dezembro.

Leia mais no Metrópoles.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email