Bruno Boghossian: Bolsonaro transforma briga no PSL em voto de desconfiança contra governo

Em coluna publicada no jornal Folha de S.Paulo, o jornalista Bruno Boghossian afirma que "a retirada de Joice Hasselmann da liderança do governo no Congresso é um sintoma claro de que a expressão política do bolsonarismo virou fumaça (se é que um dia existiu)"

247 - Em coluna publicada no jornal Folha de S.Paulo, o jornalista Bruno Boghossian avalia que "a guerra no PSL é um retrato acabado da operação política desvairada de Jair Bolsonaro". "Ao mergulhar na disputa pelo comando da legenda, Bolsonaro lançou uma espécie de voto de desconfiança dentro de sua própria sigla", diz.

De acordo com o jornalista, "a retirada de Joice Hasselmannda liderança do governo no Congresso é um sintoma claro de que a expressão política do bolsonarismo virou fumaça (se é que um dia existiu)".

"O presidente usou o Planalto para tentar derrubar o líder do próprio partido --e fracassou; recebeu retaliação de aliados e foi gravado por um correligionário; depois, demitiu a líder do governo, a quem acusa de traição. Tudo isso em apenas 24 horas", acrescenta.

"O capital eleitoral que levou Bolsonaro ao palácio e 53 deputados ao Congresso escorre pelo ralo numa enxurrada. Os sinais da desordem sempre estiveram aí --da absoluta incompetência do governo na articulação ao comportamento juvenil da bancada da selfie. A disputa só deixou mais visível o diploma de baixo clero pendurado na parede".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247