DCM: “FHC se tornou um golpista vulgar”

Para o jornalista Paulo Nogueira, do Diário do Centro do Mundo, o ex-presidente está anulando seu melhor momento ao tentar sabotar alucinadamente a estabilidade política, muito mais importante que a econômica, que ele diz ter trazido; "Com uma irresponsabilidade estridente intolerável em um octogenário, FHC comete um crime político ao defender a cassação de 54 milhões de votos. É uma aberração sua tese de que Dilma deve renunciar. Para quê? Para abrir caminho para Aécio?", critica

Para o jornalista Paulo Nogueira, do Diário do Centro do Mundo, o ex-presidente está anulando seu melhor momento ao tentar sabotar alucinadamente a estabilidade política, muito mais importante que a econômica, que ele diz ter trazido; "Com uma irresponsabilidade estridente intolerável em um octogenário, FHC comete um crime político ao defender a cassação de 54 milhões de votos. É uma aberração sua tese de que Dilma deve renunciar. Para quê? Para abrir caminho para Aécio?", critica
Para o jornalista Paulo Nogueira, do Diário do Centro do Mundo, o ex-presidente está anulando seu melhor momento ao tentar sabotar alucinadamente a estabilidade política, muito mais importante que a econômica, que ele diz ter trazido; "Com uma irresponsabilidade estridente intolerável em um octogenário, FHC comete um crime político ao defender a cassação de 54 milhões de votos. É uma aberração sua tese de que Dilma deve renunciar. Para quê? Para abrir caminho para Aécio?", critica (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Defensor da tese de que trouxe a estabilidade política para o País – e "com alguma razão" –, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso tenta agora sabotar "alucinadamente" a estabilidade política, que é muito mais importante, escreve o jornalista Paulo Nogueira, do Diário do Centro do Mundo.

Para ele, FHC anula, com isso, seu melhor momento. "Com uma irresponsabilidade estridente intolerável em um octogenário, FHC comete um crime político ao defender a cassação de 54 milhões de votos. É uma aberração sua tese de que Dilma deve renunciar. Para quê? Para abrir caminho para Aécio?", pergunta.

Na opinião de Paulo Nogueira, o engajamento de Fernando Henrique nas ações que promovem a instabilidade política não apenas tirou o crédito que o tucano tinha pela estabilidade econômica, mas o deixou com "um déficit monumental perante a história". Leia aqui a íntegra do artigo.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email