DCM: Temer com faixa presidencial é fantasia de Carnaval

"Temer se junta ao prefeito de São Paulo na galeria dos grandes líderes que se amarram em fantasias. O prefeito já se vestiu de gari, jardineiro, cadeirante etc. Ele é tudo, menos prefeito. Já Michel Temer queimou essas etapas fetichistas e, ao invés de fuçar no guarda roupa dos funcionários, foi direitamente para a roupinha de presidente", diz Kiko Nogueira, do DCM

"Temer se junta ao prefeito de São Paulo na galeria dos grandes líderes que se amarram em fantasias. O prefeito já se vestiu de gari, jardineiro, cadeirante etc. Ele é tudo, menos prefeito. Já Michel Temer queimou essas etapas fetichistas e, ao invés de fuçar no guarda roupa dos funcionários, foi direitamente para a roupinha de presidente", diz Kiko Nogueira, do DCM
"Temer se junta ao prefeito de São Paulo na galeria dos grandes líderes que se amarram em fantasias. O prefeito já se vestiu de gari, jardineiro, cadeirante etc. Ele é tudo, menos prefeito. Já Michel Temer queimou essas etapas fetichistas e, ao invés de fuçar no guarda roupa dos funcionários, foi direitamente para a roupinha de presidente", diz Kiko Nogueira, do DCM (Foto: Leonardo Attuch)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – O jornalista Kiko Nogueira, diretor-adjunto do DCM, avalia que Michel Temer preparou sua fantasia de Carnaval, ao posar com a faixa presidencial.

"Temer se junta ao prefeito de São Paulo na galeria dos grandes líderes que se amarram em fantasias. O prefeito já se vestiu de gari, jardineiro, cadeirante etc. Ele é tudo, menos prefeito. Já Michel Temer queimou essas etapas fetichistas e, ao invés de fuçar no guarda roupa dos funcionários, foi direitamente para a roupinha de presidente", diz ele.

"Em comum, o fato de que, usem o que quiserem, ambos continuarão sendo uma fraude."

Leia a íntegra no DCM.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247