Editora da Time será vendida para Meredith, apoiada por conservadores

A editora americana Meredith afirmou neste domingo (26) que comprará a Time Inc, responsável por publicações icônicas como a revista "Time", "Fortune", "People" e "Sports Illustrated". O negócio está avaliado em US$ 2,8 bilhões, incluindo a dívida da Time, e deve ser fechado no primeiro trimestre de 2018; a Meredith terá apoio financeiro de Charles e David Koch, bilionários donos da Koch Industries conhecidos por apoiarem pautas ultraconservadoras

trump time
trump time (Foto: Giuliana Miranda)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Da Reuters

A editora americana Meredith afirmou neste domingo (26) que comprará a Time Inc, responsável por publicações icônicas como a revista "Time", "Fortune", "People" e "Sports Illustrated". O negócio está avaliado em US$ 2,8 bilhões, incluindo a dívida da Time, e deve ser fechado no primeiro trimestre de 2018.

A Meredith terá apoio financeiro de Charles e David Koch, bilionários donos da Koch Industries conhecidos por apoiarem pautas ultraconservadoras. É a terceira tentativa de compra da editora. Fracassaram negociações para fechar o negócio em 2013 e no início deste ano.

A Meredith possui hoje publicações como "Better Homes & Gardens", "Shape" e "Allrecipes". Analistas afirmam que a compra expandirá a gama de leitores da empresa incorporando revistas sobre negócios, esportes e atualidades.

A fusão também aumentará o alcance entre a nova geração de leitores, os "millenials", criando um negócio midiático com 170 milhões de visitantes únicos mensais nos Estados Unidos e mais de 10 bilhões de visualizações de vídeos. Combinadas, a Meredith e a Time possuem 135 milhões de leitores e cerca de 60 milhões de assinantes.

Charles e David Koch figuram nas listas de homens mais ricos do mundo. O império industrial da família inclui produtos que vão de toalhas de papel à marca Lycra.

O braço de investimentos em empresas dos irmãos concordou em oferecer à Meredith US$ 650 milhões em ações preferencias para financiar a aquisição. As empresas afirmam que o grupo não terá influência editorial ou administrativa nas publicações.

Os irmãos Koch já haviam manifestado interesse na compra de outros negócios de mídia em 2013, como o jornal "Los Angeles Times" e o "Chicago Tribune".

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247