Em Nova York, Bolsonaro amarga protestos no hotel em que foi ignorado por Trump

No hotel em que foi ignorado por Donald Trump, Bolsonaro amarga os primeiros protestos que o perseguem ao menor passo fora de seu ambiente controlado em Brasília. Projetadas nos muros do hotel, mensagem como "Free Lula" e "Cancel Bolsonaro" antecipam o vexame anunciado que permeia os bastidores de sua fala na ONU

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - No hotel em que foi ignorado por Donald Trump, Bolsonaro amarga os primeiros protestos que o perseguem ao menor passo fora de seu ambiente controlado em Brasília. Projetadas nos muros do hotel, mensagem como "Free Lula" e "Cancel Bolsonaro" antecipam o vexame anunciado que permeia os bastidores de sua fala na ONU. 

A reportagem da revista Fórum destaca que "logo que chegou ao hotel InterContinental The Barclay, um dos mais luxuosos de Nova Iorque, Bolsonaro enfrentou um grupo de manifestantes que se concentrou ao lado da entrada principal do edifício. Sob gritos de “Amazônia sim, Bolsonaro não”, ele entrou às pressas na recepção."

A matéria ainda sublinha que "mais tarde, o coletivo Defend Democracy in Brazil realizou uma ação com projeções na fachada do hotel de Bolsonaro. Frases como “The Amazon is burning” (A Amazônia está em chamas), “Bolsonaro speaks tomorrow” (Bolsonaro discursa amanhã) e “Cancel Bolsonaro” (Cancele Bolsonaro) foram algumas das que ficaram em evidência, projetadas no prédio, para os transeuntes.  A frase “Free Lula” (Lula livre) também foi projetada no hotel em que o capitão da reserva se prepara para seu discurso na abertura dos trabalhos da Assembleia Geral da ONU."

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email