Felipe Neto, sobre ações criminosas nas redes: 'se governo for investigado, muita gente poderosa vai cair'

Felipe Neto, um dos youtubers mais influentes do país, afirmou que "muita gente poderosa" do governo pode cair, se uma investigação séria for feita. Ele diz: "é preciso investigar os ataques à reputação, a criação de fake news e o uso de BOTs para subir hashtags. Quando isso for investigado a fundo, muita gente poderosa vai cair. Nós já esperávamos que isso fosse acontecer, porque é o modo de operar desse desgoverno."

 247 - Felipe Neto, um dos youtubers mais influentes do país, afirmou que "muita gente poderosa" do governo pode cair, se uma investigação séria for feita. Ele diz: "é preciso investigar os ataques à reputação, a criação de fake news e o uso de BOTs para subir hashtags. Quando isso for investigado a fundo, muita gente poderosa vai cair. Nós já esperávamos que isso fosse acontecer, porque é o modo de operar desse desgoverno."

Felipe Neto continua: "tudo eles levam para o campo das reputações e tentam destruir os que se opõem. Porém, isso nunca será capaz de nos parar, pois nós lutamos pelo amor. E o amor não se vence, pois ele nunca acaba."

Em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo, o influenciador digital comenta a perseguição que vem sofendo de setores do governo Bolsonaro e da sua disposição em não se intimidar. 

Ele diz: "não estou preocupado com o desgaste. Minha imagem não representa nada perto da importância de se lutar por um mundo melhor. Vou seguir fazendo a minha parte e sei que a maioria dos meus seguidores estará ao meu lado, pois eles entendem que a luta é pela igualdade e união."

Neto também afirma: "eu cresci em um meio muito tradicional e reacionário. Quando comecei a gravar vídeos para a internet, era um menino de 21 anos ainda em processo de amadurecimento, o que me fez criar um personagem reclamão que falava muito palavrão e dizia alguns clichês idiotas e preconceituosos. Dez anos se passaram e, quem me acompanhou durante esse tempo, sabe o quanto eu lutei para corrigir meus erros do passado. Espero que a minha história possa servir de inspiração para muitos jovens que também crescem cheios de preconceitos e reacionarismo dentro de si. É possível vencer."

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247