Gaspari: solitária de Lula é similar à que a França deu a um traidor pró-nazista

"As condições da solitária-light de Lula assemelham-se ao regime imposto na França de 1945 ao marechal Philippe Pétain. Ele traíra seu país e presidira uma ditadura pró-nazista. Foi condenado à morte, teve a sentença comutada e morreu no cárcere, em 1951", destaca o jornalista, lembrando que "Lula não é o marechal Philippe Pétain"; "Alguma coisa está errada", avalia

gaspari lula
gaspari lula (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - "As condições da solitária-light de Lula assemelham-se ao regime imposto na França de 1945 ao marechal Philippe Pétain. Ele traíra seu país e presidira uma ditadura pró-nazista. Foi condenado à morte, teve a sentença comutada e morreu no cárcere, em 1951", destaca o jornalista Elio Gaspari, em sua coluna deste domingo na imprensa, intitulada "Lula não é o marechal Philippe Pétain".

Ele compara a situação de Lula também com a de outro brasileiro: Darcy Ribeiro, ex-chefe da Casa Civil de João Goulart, que ficou preso no Batalhão de Comando do Corpo de Fuzileiros Navais, no Rio, em 1969, e convivia com outros presos. "Lula está num regime muito pior", afirma Gaspari. 

"Lula passa os dias só, trancado. Sem muito esforço, a Polícia Federal, o Ministério Público e o juiz Sergio Moro podem redesenhar esse regime carcerário, sem estimular um circo petista", diz.

"Lula é um ex-presidente da República, levado ao poder pelo voto popular. Quando ele vive numa rotina semelhante à de um marechal usurpador e colaboracionista, alguma coisa está errada", conclui o escritor.

Leia aqui a íntegra.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247