General Heleno cai em pegadinha de blog de humor

Ministro do Gabinete de Segurança Institucional, que comanda a área de inteligência do governo, não entendeu que o texto em que havia uma citação sua entre aspas era uma crônica e não uma reportagem. "É um blog de humor General. Lá no topo tá escrito "Humor acima de tudo. Golden Shower em cima de todos", comentou o autor

Revista Fórum - Responsável pelo setor de “inteligência” do governo Jair Bolsonaro, o ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Augusto Heleno, demonstrou irritação na noite deste sábado (24) por ter sido citado em uma “matéria” da “Folha”, com declarações que nunca deu.

“Jorn Renato Terra, da Folha, em matéria sobre discurso do PR, pôs aspas em declarações que jamais dei. Mais um capítulo da doença que atinge parte da nossa imprensa: desonestidade intelectual. Depois não sabem porque perdem fontes, credibilidade e leitores. Lamento profundamente”, tuitou o general, que já teve surtos e ataques de fúria ao falar sobre uma “prisão perpétua” para o ex-presidente Lula.

Acontece que a “matéria” a qual Heleno se refere não se trata de uma reportagem, mas a uma crônica de humor do blogueiro Renato Terra, que fez questão de informar a verdade ao chefe da inteligência de Bolsonaro.

“É um blog de humor General. Lá no topo tá escrito “Humor acima de tudo. Golden Shower em cima de todos”. Todos os posts são de humor”, comentou o blogueiro na publicação de Heleno, que está sendo satirizada na rede.

Augusto Heleno Ribeiro Pereira✔@gen_helenoJorn Renato Terra, da Folha, em matéria sobre discurso do PR, pôs aspas em declarações que jamais dei. Mais um capítulo da doença que atinge parte da nossa imprensa: desonestidade intelectual. Depois não sabem porque perdem fontes, credibilidade e leitores. Lamento profundamente.
19,4 mil20:45 - 24 de ago de 2019Informações e privacidade no Twitter Ads

5.261 pessoas estão falando sobre isso

Pronunciamento para si mesmo
No texto, Renato Terra cria um fictício “pronunciamento” de Jair Bolsonaro sobre a questão da Amazônia e diz que “Pela primeira vez, um presidente da República convocou um pronunciamento em cadeia nacional de rádio e televisão para ler uma mensagem que era endereçada a si próprio”.

Heleno aparece na crônica humorística elogiando a declaração de Bolsonaro.

“’Ele teve até que colocar óculos. A gente espera que tenha assimilado aquelas palavras que leu’, disse, numa prece, o General Heleno. ‘Mas ficou bonito o texto, né? Bolsonaro usou expressões como ‘quaisquer’ e fez a crase certinha em ‘àqueles”, celebrou”, brincou o humorista na “matéria” que recebeu críticas do militar, braço direito de Bolsonaro.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247