George Marques: quando será aberta a caixa-preta do Judiciário?

Jornalista George Marques diz que o judiciário brasileiro supõe ser intocável; "Ontem o relator das 10 medidas de combate a corrupção, deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS), acatou o lobby do procurador Dallagnol e desistiu das medidas para endurecer penas a juízes que praticam crimes. No país dos privilégios quem faz lobby é rei, ou Procurador da República. Afinal, se querem realmente passar o Brasil a limpo, quando será aberta a caixa-preta do Judiciário?", questiona

Jornalista George Marques diz que o judiciário brasileiro supõe ser intocável; "Ontem o relator das 10 medidas de combate a corrupção, deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS), acatou o lobby do procurador Dallagnol e desistiu das medidas para endurecer penas a juízes que praticam crimes. No país dos privilégios quem faz lobby é rei, ou Procurador da República. Afinal, se querem realmente passar o Brasil a limpo, quando será aberta a caixa-preta do Judiciário?", questiona
Jornalista George Marques diz que o judiciário brasileiro supõe ser intocável; "Ontem o relator das 10 medidas de combate a corrupção, deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS), acatou o lobby do procurador Dallagnol e desistiu das medidas para endurecer penas a juízes que praticam crimes. No país dos privilégios quem faz lobby é rei, ou Procurador da República. Afinal, se querem realmente passar o Brasil a limpo, quando será aberta a caixa-preta do Judiciário?", questiona (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Por George Marques, em seu Facebook - O judiciário brasileiro supõe ser intocável. Muitos recebem supersalários e quando pratica algum crime ganha a aposentadoria como 'prêmio'. Vide o caso da semana passada da juíza Olga Regina de Souza Santiago, do Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA), condenada a aposentadoria compulsória por envolvimento com traficante.

Ontem o relator das 10 medidas de combate a corrupção, deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS), acatou o lobby do procurador Dallagnol e desistiu das medidas para endurecer penas a juízes que praticam crimes. No país dos privilégios quem faz lobby é rei, ou Procurador da República. Afinal, se querem realmente passar o Brasil a limpo, quando será aberta a caixa-preta do Judiciário?
 
 
 
 

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247