George Marques: sem Previdência, Temer cai

Jornalista reproduz a declaração de um deputado no 'cafezinho aqui da Câmara': "esse processo no TSE na verdade é a Reforma da Previdência que está em jogo. Se o Temer conseguir aprovar, ele fica. Se não, cai e vem outro para tentar aprovar"; George Marques lembra que "a avaliação que impera hoje", na base e na oposição, é de que a reforma não passa; "E se passar, terminará completamente desconfigurada"

Jornalista reproduz a declaração de um deputado no 'cafezinho aqui da Câmara': "esse processo no TSE na verdade é a Reforma da Previdência que está em jogo. Se o Temer conseguir aprovar, ele fica. Se não, cai e vem outro para tentar aprovar"; George Marques lembra que "a avaliação que impera hoje", na base e na oposição, é de que a reforma não passa; "E se passar, terminará completamente desconfigurada"
Jornalista reproduz a declaração de um deputado no 'cafezinho aqui da Câmara': "esse processo no TSE na verdade é a Reforma da Previdência que está em jogo. Se o Temer conseguir aprovar, ele fica. Se não, cai e vem outro para tentar aprovar"; George Marques lembra que "a avaliação que impera hoje", na base e na oposição, é de que a reforma não passa; "E se passar, terminará completamente desconfigurada" (Foto: Gisele Federicce)

Por George Marques, em seu Facebook

No cafezinho aqui da Câmara, um deputado acaba de soltar: "esse processo no TSE na verdade é a Reforma da Previdência que está em jogo. Se o Temer conseguir aprovar, ele fica. Se não, cai e vem outro para tentar aprovar".

A avaliação que impera hoje, tanto na base do governo quanto na oposição, é que a reforma da Previdência não passa. Estamos em ano pré-eleitoral, esqueceu? E se passar, terminará completamente desconfigurada. Na aritmética de Brasília, Temer não tem sequer 250 votos, precisa de no mínimo 308. Ou seja.

Conheça a TV 247

Mais de Mídia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247