Globo camufla censura e diz que Vampirão desistiu da faixa

Reportagem do jornal O Globo deste domingo, 18, tenta camuflar a censura imposta à escola Paraíso do Tuiuti e diz que o historiador Leo Morais, que representa o "Vampirão", desistiu de desfilar com a faixa presidencial; no desfile, as arquibancadas foram tomadas por protestos contra a Globo, peça central no golpe de 2016, que pediu a volta das forças armadas no Rio de Janeiro

Reportagem do jornal O Globo deste domingo, 18, tenta camuflar a censura imposta à escola Paraíso do Tuiuti e diz que o historiador Leo Morais, que representa o "Vampirão", desistiu de desfilar com a faixa presidencial; no desfile, as arquibancadas foram tomadas por protestos contra a Globo, peça central no golpe de 2016, que pediu a volta das forças armadas no Rio de Janeiro
Reportagem do jornal O Globo deste domingo, 18, tenta camuflar a censura imposta à escola Paraíso do Tuiuti e diz que o historiador Leo Morais, que representa o "Vampirão", desistiu de desfilar com a faixa presidencial; no desfile, as arquibancadas foram tomadas por protestos contra a Globo, peça central no golpe de 2016, que pediu a volta das forças armadas no Rio de Janeiro (Foto: Aquiles Lins)

247 - Reportagem do jornal O Globo deste domingo, 18, tenta camuflar a censura imposta à escola Paraíso do Tuiuti e diz que o historiador Leo Morais, que representa o "Vampirão", "desistiu" de desfilar com a faixa presidencial. 

"Uma das figuras mais comentadas do carnaval carioca, o vampiro-presidente da Paraíso do Tuiuti, vice-campeã do Grupo Especial, desfilou sem a faixa presidencial neste sábado. Segundo informações do barracão da escola, emissários da presidência da República pediram à Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa) que impedisse a entrada do destaque", diz um trecho da reportagem

No desfile, as arquibancadas foram tomadas por protestos contra a Globo, peça central no golpe de 2016, que pediu a volta das forças armadas no Rio de Janeiro. Léo Morais se disse muito feliz com a segunda colocação da Tuiuti e também muito preocupado com as semelhanças entre os dias atuais e o período que antecedeu o golpe militar de 1964.

Inscreva-se na TV 247 e confira o vídeo sobre a censura imposta à Tuiuti:

Conheça a TV 247

Mais de Mídia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247