Globo, que escrevia “triplex de Lula”, agora fala em “triplex reservado a Lula”

Reportagem publicada no jornal O Globo e usada para condenar o ex-presidente falava em “triplex de Lula”; agora, como se sabe que a prioridade não é e nunca foi dele, o jornal fala em "reservado a Lula"

Globo, que escrevia “triplex de Lula”, agora fala em “triplex reservado a Lula”
Globo, que escrevia “triplex de Lula”, agora fala em “triplex reservado a Lula”

247 - O jornal O Globo, que publicou reportagens afirmando que o triplex da OAS no Guarujá pertencia ao ex-presidente Lula, agora mudou o tom. Diante da inexistência de provas de que o petista seja —ou já tenha sequer sido— proprietário do imóvel, o periódico da família marinho agora fala em "triplex" reservado a Lula. 

Reportagem do jornal que fala da posse do apartamento foi usada como "prova" na sentença do juiz Sérgio Moro que condenou Lula. 

Na abertura do julgamento do ex-presidente no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) a  acusação também cita duas reportagens do jornal, que começou com as acusações sem provas em 2010.

A matéria foi publicada quando a OAS assumiu dezenas de obras paradas da Cooperativa Habitacional dos Bancários (Bancoop), que passava por problemas financeiros. O texto dizia que o casal Lula da Silva estava na fila de cooperados, que aguardavam havia cinco anos a conclusão da obra. 

Conheça a TV 247

Mais de Mídia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247