Governo deve liberar campanha do pacote anticrime em 15 dias

Em dificuldades de articulação com a Câmara, o governo Jair Bolsonaro deve liberar a campanha do pacote anticrime do ministro Sérgio Moro (Justiça) em cerca de 15 dias. Os roteiros têm apelo emocional. Pessoas que quase morreram em tentativas de homicídio ou familiares de vítimas fatais relatam que os assassinos nunca foram presos

(Foto: Marcelo Camargo - ABR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O governo Jair Bolsonaro deve liberar a campanha do pacote anticrime do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, em cerca de 15 dias. De acordo com informação da coluna de Mônica Bergamo, os roteiros estão finalizados e as peças têm apelo emocional. Pessoas que quase morreram em tentativas de homicídio ou familiares de vítimas fatais relatam que os assassinos nunca foram presos.

A impunidade é creditada à lentidão do sistema de Justiça e por brechas nas leis. Para defender a prisão após condenação em segunda instância, a publicidade mostrará depoimento de uma vítima de tentativa de homicídio. O criminoso foi condenado, mas recorreu dezenas de vezes na Justiça e o processo foi prescrito.

Segundo a colunista, um movimento de deputados quer acelerar a tramitação do pacote na Câmara para que Moro não consiga colocar a publicidade no ar.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247