Greenwald: Bolsonaro pode matar milhões se acabar com o isolamento

"Bolsonaro diz que está pedindo ao ministro da Saúde que imponha regulamentos nos quais * apenas * os idosos ou as pessoas com doenças devem estar isolados. Todo mundo deveria voltar ao trabalho, ir à rua, voltar à escola. Ele vai matar grandes números se isso acontecer", afirmou o jornalista Glenn Greenwald no Twitter

Glenn Greenwald e Jair Bolsonaro
Glenn Greenwald e Jair Bolsonaro (Foto: Lula Marques | Isac Nóbrega/PR)

247 - O jornalista do site Intercept Brasil Glenn Greenwald repudiou a iniciativa de Jair Bolsonaro, que sinalizou a pretensão do governo em acabar com o isolamento social, deixando a medida válida somente para idosos. 

"Bolsonaro diz que está pedindo ao ministro da Saúde que imponha regulamentos nos quais * apenas * os idosos ou as pessoas com doenças devem estar isolados. Todo mundo deveria voltar ao trabalho, ir à rua, voltar à escola. Ele vai matar grandes números se isso acontecer", disse Greenwald no Twitter.

Na noite desta terça-feira (24), Bolsonaro disse que o isolamento agravá a crise econômica.  "O grupo de risco é o das pessoas acima de 60 anos. Então, por que fechar escolas? Raros são os casos fatais de pessoas sãs com menos de 40 anos", disse.

Brasil 247 lança concurso de contos sobre a quarentena do coronavírus. Participe do concurso

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247