Greenwald ironiza Kamel e diz que nunca viu canal com tão pouca diversidade como a Globo

Jornalista norte-americano Glenn Greenwald, do portal The Intercept, ironiza o artigo do diretor de jornalismo da TV Globo, Ali Kamel, em que ele refuta a ideia de que não há diversidade na emissora; "Eu tive uma cirurgia no joelho em outubro e assisti @GloboNews. A falta de diversidade de opiniões foi chocante", comenta Greenwald; para ele, defesa de Kamel é "grande piada"

Jornalista norte-americano Glenn Greenwald, do portal The Intercept, ironiza o artigo do diretor de jornalismo da TV Globo, Ali Kamel, em que ele refuta a ideia de que não há diversidade na emissora; "Eu tive uma cirurgia no joelho em outubro e assisti @GloboNews. A falta de diversidade de opiniões foi chocante", comenta Greenwald; para ele, defesa de Kamel é "grande piada"
Jornalista norte-americano Glenn Greenwald, do portal The Intercept, ironiza o artigo do diretor de jornalismo da TV Globo, Ali Kamel, em que ele refuta a ideia de que não há diversidade na emissora; "Eu tive uma cirurgia no joelho em outubro e assisti @GloboNews. A falta de diversidade de opiniões foi chocante", comenta Greenwald; para ele, defesa de Kamel é "grande piada" (Foto: Gisele Federicce)

247 – O jornalista norte-americano Glenn Greenwald, do portal The Intercept, ironiza o artigo do diretor de jornalismo da TV Globo, Ali Kamel, na Folha de S.Paulo, em que ele refuta a ideia de que não há diversidade na emissora.

"Eu tive uma cirurgia no joelho em outubro e assisti @GloboNews. A falta de diversidade de opiniões foi chocante", comenta Greenwald. "Grande piada de Ali Kamel. Nunca vi um canal em uma democracia com menos diversidade de opinião do que a Globonews", afirmou em outro tuíte.

Ali Kamel responde na Folha a um artigo de Marcelo Coelho, membro do Conselho Editorial da Folha. Coelho critica, a respeito da cobertura sobre o grampo de Michel Temer:

"Assisti à GloboNews naquele dia. Como todos sabem, a emissora conta com um excelente grupo de jornalistas e comentaristas, muitos deles antigos colegas aqui da Folha. O problema é que não havia uma visão divergente. Seis profissionais muito competentes 'passam a bola', como eles dizem, uns aos outros, mas o jogo se assemelha a uma cobrança de pênaltis sem goleiro".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247