Haddad participa do primeiro debate de candidatos à Presidência. TV 247 transmite

 Fernando Haddad participará do primeiro debate com os demais candidatos a presidente na noite desta quinta, a partir de 21h30, na TV Aparecida, promovido pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB); o debate acontece depois de o presidente da CNBB ter se pronunciado sobre as eleições, em fevereiro deste ano, negando apoio a candidatos à Presidência que sejam promotores de violência no país; a TV 247 irá transmitir ao vivo

Haddad participa do primeiro debate de candidatos à Presidência. TV 247 transmite
Haddad participa do primeiro debate de candidatos à Presidência. TV 247 transmite (Foto: Foto: Ricardo Stuckert.)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Fernando Haddad participará do primeiro debate com os demais candidatos a presidente na noite desta quinta (20), a partir de 21h30, na TV Aparecida, promovido pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e que acontecerá no Santuário de Aparecida, em Aparecida do Norte, às margens da Via Dutra. O debate acontece depois de o presidente da CNBB ter se pronunciado sobre as eleições, em fevereiro deste ano, negando apoio a candidatos à Presidência que sejam promotores de violência no país. A TV 247 irá transmitir ao vivo.

"Nós queremos candidatos comprometidos com a justiça social e a paz. Não [queremos] candidatos que promovam ainda mais a violência", afirmou o cardeal Sergio da Rocha, presidente da entidades dos bispos brasileiros em 14 de fevereiro, no lançamento da Campanha da Fraternidade deste ano, cujo tema foi exatamente a violência. 

Hospitalizado, Bolsonaro não estará no debate. Além de Haddad estão confirmados Ciro Gomes, Alckmin, Marina, Álvaro Dias, Boulos e Meirelles. O debate será transmitido, além da TV Aparecida, por uma rede de emissoras católicas de TV, Rádio e Internet; a TV 247 também irá transmitir. O debate terá cinco blocos. A única diferença em relação ao formato dos demais debates é que no último deles as perguntas serão feitas por bispos designados pela direção da CNBB.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247