Herdeiro do Estadão: os jornais estão mortos

A morte dos jornais impressos foi decretada neste fim de semana por um dos herdeiros do centenário jornal Estado de S. Paulo, o empresário Rodrigo Mesquita; "Os meios tradicionais de massa, do jornal à tv, estão mortos. é uma questão de tempo", disse ele, no Twitter

A morte dos jornais impressos foi decretada neste fim de semana por um dos herdeiros do centenário jornal Estado de S. Paulo, o empresário Rodrigo Mesquita; "Os meios tradicionais de massa, do jornal à tv, estão mortos. é uma questão de tempo", disse ele, no Twitter
A morte dos jornais impressos foi decretada neste fim de semana por um dos herdeiros do centenário jornal Estado de S. Paulo, o empresário Rodrigo Mesquita; "Os meios tradicionais de massa, do jornal à tv, estão mortos. é uma questão de tempo", disse ele, no Twitter (Foto: Leonardo Attuch)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - O empresário Rodrigo Mesquita, um dos herdeiros do jornal Estado de S. Paulo, admitiu: os jornais estão mortos, assim como os meios tradicionais de massa.

A conversa se deu no Twitter, neste fim de semana, entre ele e a internauta Luciana Moherdaui.

Confira abaixo:

: concordo, não sou contra papel, redes sociais, tv ou rádio; mas não ignoro que as redes sociais chacoalharam a mídia off-line.


tb não sou contra nada. mas os meios tradicionais de massa, do jornal à tv, estão mortos. é uma questão de tempo.

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email