Jean Wyllys: quem será a 'Leni Riefenstahl' de Bolsonaro?

Ex-deputado Jean Wyllys criticou a liberação de R$ 530 mil pela Ancine para documentário sobre Jair Bolsonaro e compara a obra a peça da cineasta nazista Leni Riefenstahl

247 - O ex-deputado Jean Wllylys (PSOL-RJ) criticou nesta terça-feira, 23, a notícia de que a Agência Nacional do Cinema (Ancine) liberou R$ 530 mil para a realização de um documentário sobre o presidente Jair Bolsonaro. 

"Esses canalhas acusavam injustamente pessoas de usarem dinheiro público para propaganda, mentiram sobre a Lei Rouanet e sobre filmes que jamais utilizaram dinheiro público. Agora fazem isso. Quem será a Leni Riefenstahl dessa propaganda fascista? Terá ao menos seu talento?", disse Wyllys pelo Twitter. 

O ex-deputado de referia à cineasta Leni Riefenstahl, que morreu em 2003, que ficou renomada por sua estética nazista. Suas obras mais famosas são os filmes de propaganda que ela realizou para o Partido Nazista alemão. 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247