Jornalista que denunciou fake news de Bolsonaro se revolta com manobra do TSE

A jornalista Patrícia Campos Mello, que denunciou o esquema de propagação de fake news em massa de Bolsonaro, afirma em seu Twitter: "isto aqui é um escárnio. As nossas matérias mostram COM FOTOS que as agências compravam centenas de chips e registravam com CPFs de terceiros, ilegalmente, para fazer os disparos de WhatsApp. O que adianta o TSE pedir às operadoras as linhas dos sócios?"

247 - A jornalista Patrícia Campos Mello, que denunciou o esquema de propagação de fake news em massa de Bolsonaro, afirma em seu Twitter: "isto aqui é um escárnio. As nossas matérias mostram COM FOTOS que as agências compravam centenas de chips e registravam com CPFs de terceiros, ilegalmente, para fazer os disparos de WhatsApp. O que adianta o TSE pedir às operadoras as linhas dos sócios?"

Veja o Twitter da jornalista: 

O Brasil 247 quer a sua ajuda para tomar decisões importantes. Participe da pesquisa

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247