Juca Kfouri: vote para impedir o horror

O jornalista Juca Kfouri faz um paralelo entre a seleção brasileira, eleições presidenciais e os seus personagens desde 1989 com a atual disputa entre Haddad e Bolsonaro; ele também alerta: "Faça oposição ao 13 já no dia 1º de janeiro, diga como o valente advogado, e sempre defensor dos Direitos Humanos, José Carlos Dias, que 'só Bolsonaro é capaz de me fazer votar no PT', mas impeça que o Brasil mergulhe na mais profunda das escuridões. Não se trata de Dérbi, de Choque-Rei, de Majestoso nem de San-São, mas de impedir o horror”

Juca Kfouri:  vote para impedir o horror
Juca Kfouri: vote para impedir o horror

247 – O jornalista Juca Kfouri faz um paralelo entre política, seleção brasileira de futebol, eleições presidenciais e os seus personagens desde 1989 que envolveram Fernando Collor, impeachment, FHC, Lula, Dilma, Serra, Aécio e Alckmin com a atual disputa entre Fernando Haddad e Jair Bolsonaro.

“Vivíamos embates entre a esquerda e a direita, para simplificar, ou, sendo generoso, entre a centro-esquerda e a centro-direita. Nunca entre extremistas de um lado e de outro, diferentemente de agora, onde uma das candidaturas faz o discurso da extrema direita, sem disfarces”, avalia ele.

Para Juca Kfouri, “Durante todo o tempo dos governos petistas, a seleção perdeu três Copas do Mundo, e o PT, grande parte do respeito nacional, apesar de ainda ser o maior partido brasileiro. Tais mandatos, contudo, jamais puseram em risco a democracia ou a liberdade de expressão. E o petista Haddad busca ser o terceiro Fernando presidente do Brasil”.

E conclui com um alerta: “Faça oposição ao 13 já no dia 1º de janeiro, diga como o valente advogado, e sempre defensor dos Direitos Humanos, José Carlos Dias, que 'só Bolsonaro é capaz de me fazer votar no PT', mas impeça que o Brasil mergulhe na mais profunda das escuridões. Não se trata de Dérbi, de Choque-Rei, de Majestoso nem de San-São, mas de impedir o horror”.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247