Juiz diz que blogueiro bolsonarista, citado por Russomanno, mentiu contra Boulos

“O cenário delineado pela matéria produzida pelo representado não encontra lastro nem sequer em indícios”, afirmou o juiz Emílio Migliano Neto

Blogueiro Oswaldo Eustáquio
Blogueiro Oswaldo Eustáquio (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O juiz Emílio Migliano Neto, da 2ª Zona Eleitoral de São Paulo, que mandou tirar do ar um vídeo publicado pelo blogueiro Oswaldo Eustáquio com acusações caluniosas contra Guilherme Boulos, disse que o conteúdo contra o candidato do PSOL é mentiroso.

“O cenário delineado pela matéria produzida pelo representado não encontra lastro nem sequer em indícios, como demonstrado de forma contundente na sua inicial pelo ora representante, sendo refutado pontualmente, permitindo-se, sem temor, de ser adjetivado de sabidamente inverídico, extravasando o debate político-eleitoral”, afirmou.

A “notícia” divulgada pelo blogueiro bolsonarista foi citada por Celso Russomanno, em debate realizado pela Folha/UOL nesta quarta, 11. O bolsonarista afirmou que o psolista usa empresas de vídeo para ‘lavar dinheiro’.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247