Juíza arquiva ação de Flávio Bolsonaro contra William Bonner e Renata Vasconcellos

A Justiça do Rio de Janeiro concedeu um habeas corpus de inquérito aberto em dezembro contra William Bonner e Renata Vasconcellos, apresentadores do Jornal Nacional, da Globo

(Foto: @jornalnacional)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A Justiça do Rio de Janeiro concedeu um habeas corpus de inquérito aberto em dezembro contra William Bonner e Renata Vasconcellos, apresentadores do Jornal Nacional, da Globo. O inquérito foi aberto a pedido do senador Flávio Bolsonaro.

A juíza Maria Tereza Donatti, do 4º Juizado Especial Criminal, que deu o HC favorável aos apresentadores da Globo, apontou que a denúncia criminal nem deveria existir e deu uma ordem para o "trancamento" do inquérito policial.

O inquérito foi aberto por Flávio Bolsonaro por uma suposta desobediência a uma decisão judicial por parte de Bonner e Renata, que teriam, mesmo impedidos pela Justiça, anunciado informações sobre a investigação do esquema de "rachadinha" na Alerj (Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro).

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email