Kennedy: com reforma de militares, ruiu discurso do governo para combater privilégios

"Se governo pretende economizar 1 tri em 10 anos com reforma da Previdência, sacrifício dos militares equivale a 1%. É injusto com conjunto da sociedade", compara o jornalista Kennedy Alencar

Kennedy: com reforma de militares, ruiu discurso do governo para combater privilégios
Kennedy: com reforma de militares, ruiu discurso do governo para combater privilégios
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Com a proposta da reforma da Previdência para os militares, em que pretende gerar uma economia de R$ 10 bilhões em dez anos, o discurso de que irá combater privilégios foi abaixo. Essa é a avaliação do jornalista Kennedy Alencar, que compara as economias geradas entre as duas reformas. Na proposta dos não militares, a previsão é de que se gere economia de R$ 1 trilhão no mesmo período.

"Se governo pretende economizar 1 tri em 10 anos com reforma da Previdência, sacrifício dos militares equivale a 1%. É injusto com conjunto da sociedade", critica o jornalista. "Com essa proposta de reforma previdenciária dos militares, ruiu discurso de reforma pra combater privilégios", completa.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247