Kennedy: Frente de esquerda depende de PT ceder espaço

"Para a ideia [da Frente Ampla] dar certo, o PT teria de abrir mão da tentação de ser hegemônico e passar a pensar de modo mais coletivo", afirma o jornalista; Kennedy Alencar acredita que o PT deveria cogitar apoiar Ciro Gomes (PDT) para a presidência e Marcelo Freixo (PSOL) para o governo do Rio em 2018 e a candidatura de Lula "não poderia ser automática"

"Para a ideia [da Frente Ampla] dar certo, o PT teria de abrir mão da tentação de ser hegemônico e passar a pensar de modo mais coletivo", afirma o jornalista; Kennedy Alencar acredita que o PT deveria cogitar apoiar Ciro Gomes (PDT) para a presidência e Marcelo Freixo (PSOL) para o governo do Rio em 2018 e a candidatura de Lula "não poderia ser automática"
"Para a ideia [da Frente Ampla] dar certo, o PT teria de abrir mão da tentação de ser hegemônico e passar a pensar de modo mais coletivo", afirma o jornalista; Kennedy Alencar acredita que o PT deveria cogitar apoiar Ciro Gomes (PDT) para a presidência e Marcelo Freixo (PSOL) para o governo do Rio em 2018 e a candidatura de Lula "não poderia ser automática" (Foto: Gisele Federicce)

247 – Para dar certo a ideia da Frente Ampla, articulada pela esquerda, o PT precisa "ceder espaço", analisa o jornalista Kennedy Alencar, sobre a proposta que voltou a ser defendida recentemente pelo ex-presidente Lula.

"Para a ideia dar certo, o PT teria de abrir mão da tentação de ser hegemônico e passar a pensar de modo mais coletivo. A frente deveria ter um candidato único à Presidência da República. Nos Estados, apresentar apenas um candidato a governador e outro a senador. Haverá duas vagas ao Senado em disputa. Com um nome de toda a esquerda, seria maior a chance de eleição para o Senado. Puxadores de voto deveriam ser lançados candidatos a deputado federal e estadual", defende Kennedy.

"Para isso, o PT teria de cogitar a possibilidade de apoiar, por exemplo, Ciro Gomes, do PDT, para presidente, e Marcelo Freixo, do PSOL, para o governo do Rio. A candidatura de Lula, que enfrenta obstáculos políticos e jurídicos, não poderia ser automática", acrescenta.

Leia aqui a íntegra.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247