Kennedy: Moraes chegará ao STF com carimbo anti-Lava Jato

"Moraes será ministro do Supremo, mas entrará no tribunal com a marca de alguém apoiado por peemedebistas e tucanos para jogar contra a Lava Jato na mais alta corte de Justiça do país", afirmou o jornalista Kennedy Alencar nesta segunda-feira, 20; sabatina do indicado de Michel Temer para o Supremo Tribunal Federal ocorre nesta terça-feira, 21, no Senado

"Moraes será ministro do Supremo, mas entrará no tribunal com a marca de alguém apoiado por peemedebistas e tucanos para jogar contra a Lava Jato na mais alta corte de Justiça do país", afirmou o jornalista Kennedy Alencar nesta segunda-feira, 20; sabatina do indicado de Michel Temer para o Supremo Tribunal Federal ocorre nesta terça-feira, 21, no Senado
"Moraes será ministro do Supremo, mas entrará no tribunal com a marca de alguém apoiado por peemedebistas e tucanos para jogar contra a Lava Jato na mais alta corte de Justiça do país", afirmou o jornalista Kennedy Alencar nesta segunda-feira, 20; sabatina do indicado de Michel Temer para o Supremo Tribunal Federal ocorre nesta terça-feira, 21, no Senado (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O colunista Kennedy Alencar afirmou nesta segunda-feira, 20, que o ministro licenciado da Justiça, Alexandre de Moraes, deve ser aprovado com folga no Senado para se tornar ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), mas não sem desgaste político para o governo de Michel Temer. 

"O governo espera chumbo grosso da oposição. Afinal, o próprio Alexandre de Moraes forneceu essa munição. Há acusações de plágio em relação às suas teses acadêmicas. Ele próprio defendia que um ministro de Estado não deveria ser indicado pelo presidente de plantão ao Supremo. Terá de explicar a mudança de opinião em benefício próprio, o que é um mau exemplo para um julgador do STF", enumerou Kennedy. 

"Enfim, Moraes será ministro do Supremo, mas entrará no tribunal com a marca de alguém apoiado por peemedebistas e tucanos para jogar contra a Lava Jato na mais alta corte de Justiça do país", afirmou. 

Leia na íntegra o comentário no Blog do Kennedy

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247