Kotscho: diálogo Ciro-Lula é necessário para evitar cenário da direita

"Já pensaram numa disputa de segundo turno entre a direita de Geraldo Alckmin e a extrema-direita de Jair Bolsonaro?", indaga o jornalista Ricardo Kotscho; para ele, "o movimento político mais importante da última semana foi a iniciativa de Ciro Gomes, do PDT, que pretende conversar com Lula em Curitiba, se for autorizado, é claro, pela república de Sérgio Moro"

03/02/2017- São Paulo- SP, Brasil- Ex-presidente Lula recebe vista de Ciro Gomes e do governador do Ceará, Camilo Santana (PT-CE), no hospital Sírio-Libanês, onde está internada a ex-primeira-dama Marisa Letícia. Foto: Ricardo Stuckert / Instituto Lula
03/02/2017- São Paulo- SP, Brasil- Ex-presidente Lula recebe vista de Ciro Gomes e do governador do Ceará, Camilo Santana (PT-CE), no hospital Sírio-Libanês, onde está internada a ex-primeira-dama Marisa Letícia. Foto: Ricardo Stuckert / Instituto Lula (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Por Ricardo Kotscho - Já pensaram numa disputa de segundo turno entre a direita de Geraldo Alckmin e a extrema-direita de Jair Bolsonaro? Pois isso é perfeitamente possível para 188 grandes investidores institucionais - ou seja, o endeusado mercado - consultados pela XP Investimentos sobre o provável cenário sem Lula na disputa nas eleições de 2018.

Por isso, achei que o movimento político mais importante da última semana foi a iniciativa de Ciro Gomes, do PDT, que pretende conversar com Lula em Curitiba, se for autorizado, é claro, pela república de Sérgio Moro (...) Se a esquerda não procurar suas convergências e um programa mínimo comum de governo, corre o sério risco de simplesmente ficar de fora do segundo turno.

Leia a íntegra no Balaio do Kotscho.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247