Kotscho: julgamento é para tirar Lula da eleição presidencial

O jornalista Ricardo Kotscho escreve em seu blog neste domingo sobre o que está em jogo no julgamento do ex-presidente Lula, em Porto Alegre, daqui a três dias; "O julgamento de Lula no TRF-4, em Porto Alegre, nesta quarta-feira, é só o cumprimento de um ritual para confirmar sua condenação em segunda instância. A única dúvida restante é o placar final: 3 a 0 ou 2 a 1 pela condenação", diz ele

kotscho
kotscho (Foto: José Barbacena)

247 -  O jornalista Ricardo Kotscho escreve em seu blog neste domingo sobre o que está em jogo no julgamento do ex-presidente Lula, em Porto Alegre, daqui a três dias. "O julgamento de Lula no TRF-4, em Porto Alegre, nesta quarta-feira, é só o cumprimento de um ritual para confirmar sua condenação em segunda instância. A única dúvida restante é o placar final: 3 a 0 ou 2 a 1 pela condenação", diz ele.

"Lula já estava condenado antes de Sergio Moro anunciar sua sentença no ano passado, a partir do momento em que o juiz se aliou aos procuradores da Lava Jato que fizeram a denúncia do triplex nos interrogatórios do ex-presidente", afirma o jornalista.

Kotscho afirma que o objetivo final é tirar Lula da eleição presidencial deste ano. "Qualquer que seja o resultado, no entanto, Porto Alegre não é o fim da história. É apenas mais um capítulo da longa batalha judicial que será travada nos tribunais superiores até a véspera da eleição, ou mesmo depois da apuração dos votos. E o que estará em jogo não é apenas o destino de Lula, mas das próprias eleições presidenciais e dos rumos da nossa jovem democracia".

"Para quem quer tirar Lula do jogo, pouco importam os autos do processo, as provas que não existem de um crime indeterminado que o próprio juiz Moro já admitiu não ter ligação com a corrupção na Petrobras. Escrevi aqui mesmo neste blog, ainda em 2012 (favor ver arquivo), depois do julgamento do mensalão, que “o alvo agora é Lula”".

Veja o artigo completo

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247