Kotscho: Lava Jato empobrece empresas, mas empresários continuam ricos

"Quase quatro anos após a deflagração da 'maior operação de combate à corrupção da história da humanidade', eixo central das eleições de 2018 no Brasil e em outros países", o jornalista Ricardo Kotscho traz "um breve balanço dos resultados" que comprovam este título; a Odebrecht, por exemplo, empresa mais atingida pela Lava Jato, neste período demitiu 100 mil funcionários, a metade do que tinha em 2014, e viu a receita diminuir em 32%

"Quase quatro anos após a deflagração da 'maior operação de combate à corrupção da história da humanidade', eixo central das eleições de 2018 no Brasil e em outros países", o jornalista Ricardo Kotscho traz "um breve balanço dos resultados" que comprovam este título; a Odebrecht, por exemplo, empresa mais atingida pela Lava Jato, neste período demitiu 100 mil funcionários, a metade do que tinha em 2014, e viu a receita diminuir em 32%
"Quase quatro anos após a deflagração da 'maior operação de combate à corrupção da história da humanidade', eixo central das eleições de 2018 no Brasil e em outros países", o jornalista Ricardo Kotscho traz "um breve balanço dos resultados" que comprovam este título; a Odebrecht, por exemplo, empresa mais atingida pela Lava Jato, neste período demitiu 100 mil funcionários, a metade do que tinha em 2014, e viu a receita diminuir em 32% (Foto: Gisele Federicce)

247 - "Quase quatro anos após a deflagração da 'maior operação de combate à corrupção da história da humanidade', eixo central das eleições de 2018 no Brasil e em outros países", o jornalista Ricardo Kotscho traz "um breve balanço dos resultados" que comprovam que a Lava Jato empobrece empresas, mas os empresários continuam ricos.

A Odebrecht, por exemplo, empresa mais atingida pela Lava Jato, neste período demitiu 100 mil funcionários, a metade do que tinha em 2014, e viu a receita diminuir em 32%, lembra Kotscho. Enquanto "depois de passar dois anos e meio na cadeia em Curitiba, o capo da empresa, Marcelo Odebrechet, já está em casa, ou melhor, na sua belíssima mansão no Morumbi, desfrutando de todas as mordomias que tinha antes. Não se tem notícia de que sua fortuna pessoal tenha perdido um único centavo".

Leia a íntegra no Balaio do Kotscho.

Conheça a TV 247

Mais de Mídia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247