Lava Jato tenta enfraquecer HC de Lula

O pedido para a progressão de pena do ex-presidente Lula foi assinado por toda a cúpula da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba, com Deltan Dallagnol à frente. A jornalista Vera Magalhães afirma que o encaminhamento parece ser "uma jogada reativa à virada da maioria no Supremo Tribunal Federal contra a Lava Jato"

Brazil's former President Luiz Inacio Lula da Silva, leaves for the cemetery to attend the funeral of his 7-year-old grandson, in Sao Bernardo do Campo, Brazil March 2, 2019. Ricardo Stuckert Filho/ Lula Institute/Handout via REUTERS. ATTENTION EDITORS - THIS IMAGE WAS PROVIDED BY A THIRD PARTY.
Brazil's former President Luiz Inacio Lula da Silva, leaves for the cemetery to attend the funeral of his 7-year-old grandson, in Sao Bernardo do Campo, Brazil March 2, 2019. Ricardo Stuckert Filho/ Lula Institute/Handout via REUTERS. ATTENTION EDITORS - THIS IMAGE WAS PROVIDED BY A THIRD PARTY. (Foto: Foto: Ricardo Stuckert)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O pedido para a progressão de pena do ex-presidente Lula foi assinado por toda a cúpula da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba, com Deltan Dallagnol à frente. A jornalista Vera Magalhães afirma que o encaminhamento parece ser "uma jogada reativa à virada da maioria no Supremo Tribunal Federal contra a Lava Jato."

A reportagem do jornal O Estado de S. Paulo destaca que "a segunda Turma deve julgar em breve habeas corpus da defesa de Lula que argui a suspeição do ex-juiz Sergio Moro e pede a consequente anulação da sentença."

A matéria ainda sublinha que "a perspectiva se tornou mais concreta depois dos votos de Cármen Lúcia e Celso de Mello, integrantes do colegiado, pela anulação de sentenças da Lava Jato no caso de delatados que não tiveram manifestações finais depois dos delatores."

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email