Madonna defende uso da cloroquina no combate ao coronavírus e Instagram oculta fake news

Cantora postou em suas redes a respeito dos benefícios do uso do medicamento cloroquina, que tem como seu maior garoto propaganda Jair Bolsonaro. Postagem foi ocultada pela rede social Instagram como “conteúdo falso”

Madonna
Madonna (Foto: Reuters | Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247  - A cantora Madonna seguiu os passos de Jair Bolsonaro e Donald Trump e defendeu o uso da medicação cloroquina, cujo os benefícios no combate ao novo coronavírus não são comprovados pela comunidade médica, que alerta sobre os efeitos colaterais da medicação, que causa graves sintomas cardiopatas. 

O vídeo compartilhado na noite desta terça-feira, 28, mostrava a médica Stella Immanuel afirmando que o novo coronavírus "tem uma cura, se chama hidroxicloroquina". O presidente dos EUA, Donald Trump, também compartilhou a publicação em suas redes. 

A  fake news compartilhada por Madonna ficou poucas horas no ar. Logo na sequência o Instagram ocultou sua publicação e classificou a defesa do medicamento como “fake news”. A artista apagou horas depois sua postagem. 

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247