Marinho deve discutir paz na Copa com Dilma

Encontro entre a presidente Dilma e João Roberto Marinho Neto, vice-presidente das Organizações Globo, marcado para às 15 desta quinta-feira no Palácio do Planalto, deve discutir paz na Copa do Mundo; emissora já vendeu cotas de R$ 1,4 bilhão no Mundial, mas vinha evitando pautas positivas sobre o evento; no início de abril, em reunião para abordar temas como o leilão de 4G, a presidente questionou Marinho sobre o noticiário carregado da emissora contra o governo

Encontro entre a presidente Dilma e João Roberto Marinho Neto, vice-presidente das Organizações Globo, marcado para às 15 desta quinta-feira no Palácio do Planalto, deve discutir paz na Copa do Mundo; emissora já vendeu cotas de R$ 1,4 bilhão no Mundial, mas vinha evitando pautas positivas sobre o evento; no início de abril, em reunião para abordar temas como o leilão de 4G, a presidente questionou Marinho sobre o noticiário carregado da emissora contra o governo
Encontro entre a presidente Dilma e João Roberto Marinho Neto, vice-presidente das Organizações Globo, marcado para às 15 desta quinta-feira no Palácio do Planalto, deve discutir paz na Copa do Mundo; emissora já vendeu cotas de R$ 1,4 bilhão no Mundial, mas vinha evitando pautas positivas sobre o evento; no início de abril, em reunião para abordar temas como o leilão de 4G, a presidente questionou Marinho sobre o noticiário carregado da emissora contra o governo (Foto: Roberta Namour)

247 – A presidente Dilma Rousseff recebe novamente, nesta quinta-feira, João Roberto Marinho Neto, vice-presidente das Organizações Globo.

O encontro, marcado para às 15 no Palácio do Planalto, deve discutir sobre paz na Copa do Mundo. Emissora oficial do Mundial de Futebol deste ano, a Globo já vendeu cotas de R$ 1,4 bilhão, mas tenta descolar sua imagem do evento, que tem sido alvo de protestos. Para jornalistas da rede, TV emitiu comunicado orientando-os a privilegiarem reportagens de denúncias de irregularidades (leia mais).

No início de abril, em reunião para abordar temas como o leilão de 4G, a presidente questionou Marinho sobre o noticiário carregado da emissora contra o governo.

Segundo Mônica Bergamo, Dilma teria deixado claro a "percepção" de que a TV Globo tem exagerado em informações negativas contra sua gestão, com cerca de dez minutos, em média.

Conheça a TV 247

Mais de Mídia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247