Mario Sergio Conti: “Moro fez política o tempo todo”

Jornalista observa que, "se antes faziam figura de paladinos silenciosos da Justiça, Sergio Moro e Deltan Dallagnol deram agora para falar"; e a postura apolítica dos dois não é crível nem no artigo do procurador na Folha, menos ainda na entrevista do juiz no fim de semana, diz; "Foi de um corporativismo que mal coube na palavra 'muito'", opina, sobre a entrevista de Moro; para Conti, o magistrado "acha que lidera uma santa cruzada"

Jornalista observa que, "se antes faziam figura de paladinos silenciosos da Justiça, Sergio Moro e Deltan Dallagnol deram agora para falar"; e a postura apolítica dos dois não é crível nem no artigo do procurador na Folha, menos ainda na entrevista do juiz no fim de semana, diz; "Foi de um corporativismo que mal coube na palavra 'muito'", opina, sobre a entrevista de Moro; para Conti, o magistrado "acha que lidera uma santa cruzada"
Jornalista observa que, "se antes faziam figura de paladinos silenciosos da Justiça, Sergio Moro e Deltan Dallagnol deram agora para falar"; e a postura apolítica dos dois não é crível nem no artigo do procurador na Folha, menos ainda na entrevista do juiz no fim de semana, diz; "Foi de um corporativismo que mal coube na palavra 'muito'", opina, sobre a entrevista de Moro; para Conti, o magistrado "acha que lidera uma santa cruzada" (Foto: Gisele Federicce)

247 – O jornalista Mario Sergio Conti faz críticas, em sua coluna na Folha nesta terça-feira 8, à postura política do juiz Sérgio Moro e do procurador da República Deltan Dallagnol, da força-tarefa da Lava Jato, em suas recentes manifestações na imprensa.

Conti observa que, "se antes faziam figura de paladinos silenciosos da Justiça, Sergio Moro e Deltan Dallagnol deram agora para falar". E a postura apolítica dos dois não é crível nem no artigo do procurador na Folha, menos ainda na entrevista do juiz ao jornal O Estado de S.Paulo no fim de semana.

"Foi de um corporativismo que mal coube na palavra 'muito'", descreve o jornalista, sobre a entrevista, lembrando em seguida várias atitudes e opiniões políticas do juiz de Curitiba. Para Conti, o magistrado "acha que lidera uma santa cruzada".

Leia aqui a íntegra.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247