Mello Franco: prisão tira foco do noticiário policial contra Temer

“Para o governo interino, a prisão de Paulo Bernardo vai abalar o moral da tropa dilmista. A ação ocorre num momento em que o noticiário policial se voltava contra o PMDB de Michel Temer. Por isso, a desgraça do ex-ministro foi motivo de comemoração discreta no Planalto”, diz o colunista Bernardo Mello Franco; em nota, o PT sugeriu uma ação coordenada para encobrir "fatos gravíssimos de corrupção que atingem diretamente o governo"

“Para o governo interino, a prisão de Paulo Bernardo vai abalar o moral da tropa dilmista. A ação ocorre num momento em que o noticiário policial se voltava contra o PMDB de Michel Temer. Por isso, a desgraça do ex-ministro foi motivo de comemoração discreta no Planalto”, diz o colunista Bernardo Mello Franco; em nota, o PT sugeriu uma ação coordenada para encobrir "fatos gravíssimos de corrupção que atingem diretamente o governo"
“Para o governo interino, a prisão de Paulo Bernardo vai abalar o moral da tropa dilmista. A ação ocorre num momento em que o noticiário policial se voltava contra o PMDB de Michel Temer. Por isso, a desgraça do ex-ministro foi motivo de comemoração discreta no Planalto”, diz o colunista Bernardo Mello Franco; em nota, o PT sugeriu uma ação coordenada para encobrir "fatos gravíssimos de corrupção que atingem diretamente o governo" (Foto: Roberta Namour)

247 – Para o colunista Bernardo Mello Franco, a operação da PF de ontem tira o foco do noticiário policial que se voltava contra Temer.

“Para o governo interino, a prisão de Paulo Bernardo vai abalar o moral da tropa dilmista. A ação ocorre num momento em que o noticiário policial se voltava contra o PMDB de Michel Temer. Por isso, a desgraça do ex-ministro foi motivo de comemoração discreta no Planalto”, diz.

A liderança do PT no Senado classificou a decisão como "abuso de poder". Em nota, o partido sugeriu uma ação coordenada para encobrir "fatos gravíssimos de corrupção que atingem diretamente o governo".

“Além de atingir a imagem de Gleisi, a nova operação da Polícia Federal resvala na gestão de Dilma. Os investigadores relataram um esquema que teria desviado verbas federais até o ano passado”, acrescenta (leia aqui).

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247